3 contos de Sophia

“Os Contos sobem ao Palco” | V edição

Pelo quinto ano consecutivo, durante as férias da páscoa, os utentes dos três CATL´s IDEIA produziram, criaram, encenaram e interpretaram três peças inspiradas em três obras de literatura infanto-juvenil. Este ano, celebrou-se a autora Sophia de Mello Breyner Andresen, no centésimo aniversário do seu nascimento, surpreendendo as famílias e os amigos, pela expressão e recurso a diferentes linguagens, muitos talentos e imaginação.


«
O RAPAZ DE BRONZE» CATL IDEIA Tires

E se o Rapaz de Bronze pudesse falar?
E se as flores ganhassem vida e pudessem rir, cantar e dançar?

Sophia era uma entusiasta da Natureza. Amava o mar, o campo e as flores.
Escreveu O Rapaz de Bronze em homenagem à imaginação e à vida.
Embarcámos todos com o vento, numa viagem divertida e alucinante aos lugares da imaginação e da amizade, celebrando a Natureza e o riso.

«A FADA ORIANA» CATL IDEIA Matoscheirinhos

“Há duas espécies de fadas: as fadas boas e as fadas más.
As fadas boas fazem coisas boas e as fadas más fazem coisas más.”

Pode uma fada esquecer-se dos seres frágeis que habitam a floresta e que prometeu proteger?
Vamos embrenhar-nos nesta história sobre a construção do ser, num universo mágico em que se festeja a natureza e os valores que verdadeiramente importam e dão asas.

«A MENINA DO MAR» CATL IDEIA Outeiro

Uma árvore e uma frase… de Sophia. Juntos procuraram, mergulharam no mistério. Afinal que sitio era esse onde “não há Primavera nem Outono” e “o tempo não morre”?


Uma história de amizade, de dois mundos tão próximos e tão distantes, de encontro e descoberta, e como a Sophia, que passou a ser a nossa, nos ensinou que “amigo é uma palavra muito bonita, é quase a melhor palavra”.
Esta é a história que nos levou a Sophia e à sua, nossa, Menina do Mar.

Aconteceu no dia 17 abril 2019 no Auditório em IDEIA Outeiro,
inserida no programa
Mostra cultural Março/Abril 2019.


 

O Circo da Lua

Jardim de Infância – CEI O Nosso Sonho Matoscheirinhos

Uma adaptação do livro do autor André Gago, e uma homenagem ao Circo com todos os seus intervenientes, onde houve lugar também para uma intervenção a favor dos direitos dos animais … uma avó Ilusionista e muita magia e fantasia!

Uma homenagem ao Circo e todos os seus intervenientes, com lugar também para uma intervenção a favor dos direitos dos animais!

A Alegria do Circo, a Magia da Lua, a Liberdade, a Criatividade, os Afetos e o Sonho…

Uma artista convidada surpreendeu-nos num momento cheio de boa disposição e … Magia!

Muito obrigado e parabéns,
Senhora Mágica Vassourinha!

 

 

 

Aconteceu no dia 12 abril 2019 no Auditório em IDEIA Outeiro,
(Programa Mostra cultural Março/Abril 2019)


 

“Aqui há lobo!”

jardim de infância CEId´Outeiro
Um dos contos mais conhecidos de todos os tempos… foi o mote para uma nova interpretação, num processo de criação e colaboração artística, que envolveu todas crianças através da música, dança e do recurso a outras linguagens performativas.

A origem do conto remonta à europa do seculo XIV, e foi publicado pela primeira vez pelo francês Charles Perrault, e depois pelos Irmãos Grimm.
Sofreu inúmeras adaptações, mudanças e releituras na cultura popular mundial.

Aconteceu no dia 10 abril 2019 no Auditório em IDEIA Outeiro, Inserida no programa Mostra cultural Março/Abril 2019,

“Ilumina”

1ºCEB Outeiro e Tires
Inserida na Mostra cultural Março/Abril 2019, partilhamos alguns momentos desta apresentação para as famílias “Ilumina” inspirada no livro homónimo da autora Rita Correia.
Foi um louvor à Imaginação e Liberdade, com muita música, dança, cor e poesia… e surpresas!

ILUMINA
é um lugar onde se acendem novas ideias,
vivem-se emoções,
dá-se luz à imaginação
(…)

(…)
Nele, os heróis do futuro farão girar
o mundo!

Aconteceu no dia 5 abril 2019 no Auditório em IDEIA Outeiro, inserida no programa Mostra cultural Março/Abril 2019,

“À procura da Chave dos Sentimentos”

Jardim de Infância CEIDe Tires
Teatro musical criado com a participação e envolvimento de todas as 100 crianças do jardim de infância CEIDe Tires, e que cruzou, recriou e transformou os diferentes projetos desenvolvidos no 1º período, nomeadamente “O Pássaro da Alma” (Mickael Snunit), o “O Feiticeiro de Oz” (de L. Frank Baum) e “As aventuras de Pinóquio” (de Carlo Collodi).
Uma viagem pelos sentimentos em busca da chave para a felicidade.

Através da dança, da voz e da expressão corporal, soltamos as emoções!
O que sentimos… e como sentimos…
Como agimos, reagimos… e interagimos
Como podemos contribuir para viver num mundo melhor!

Aconteceu no dia 29 de Março 2019 no Auditório O Nosso Sonho, em IDEIAouteiro …


 

As cozinheiras de livros

Teatro em IDEIAtires * Dramatização da história da escritora Margarida Botelho,
apresentada pela equipa do Ceide, da Creche e 1º ciclo, para todas as crianças da Creche, J.I e 1º CEB.



A história foi trabalhada com as crianças em sala e serviu de mote a algumas iniciativas como: a arvore de Natal feita de livros, o amigo secreto em que a partilha era um livro e muitas outras…

«Algo de muito estranho se estava a passar com os livros e a cidade estava em alvoroço. Seria a crise? Ninguém sabia a resposta, mas a verdade é que não havia livros novos… As pessoas já não sabiam o que mais podiam fazer na esperança de novas aventuras, até já tinham lido todos os nossos livros de trás para a frente, de baixo para cima e até de pernas para o ar… Mas nada resultava. O que teria acontecido à fábrica dos livros? Uma aventura fantástica que nos leva a uma viagem de sonho em que os livros têm um papel fundamental na vida das pessoas.»

 


 

IDEIA no Congresso “Cidades Educadoras”

No âmbito do XV Congresso das Cidades Educadoras que se realizou em Cascais entre 13 e 16 de novembro de 2018, o 1º CEB da IDEIA foi convidado a representar alguns excertos da apresentação “Uma Cidade de Sonho” que tinha realizado no ano letivo 2016/2017 aquando da elaboração do Manifesto da Infância, promovido pela Câmara Municipal de Cascais.

SAIBA mais sobre o espetáculo “Uma Cidade de Sonho”
(final ano letivo 2016/2017) AQUI »»


 

IDEIA no ‘Greenfest’ 2018

No âmbito da 11ª edição do Festival Greenfest  Estoril 2018Sustentabilidade 4.0 – “A oportunidade dos O.D.S. Objetivos de Desenvolvimento Sustentável no horizonte 2030”, que se realizou no Centro de Congressos do Estoril, o 1º CEB da IDEIA foi convidado a representar alguns excertos da apresentação do final do ano letivo 2017/2018 – “Mar de Plástico“.
Saiba mais sobre este espetáculo AQUI »» 


 

Mar de Plástico

1º CEB IDEIA (Tires e Outeiro) Festa final ano letivo
O espetáculo de teatro e dança, sensibilizou as famílias sobre a poluição nos oceanos, o excesso de plástico e alertou para a urgência na mudança de comportamentos, por um planeta mais saudável e vivo.

Sabia que…
“No oceano Pacífico há uma ilha de plástico 14 vezes maior que Portugal”?…
ou que “até 2050 haverá mais plástico do que peixes no oceano”?,…

Auditório O Nosso Sonho, do edifício IDEIAouteiro (JUN 2018) 


 

“Oriana encanta a tarde” » CEIDe Tires

A surpreendente apresentação produzida pelo CEIDe, baseado no livro “Fada Oriana” de Sophia de Mello Breyner, contou c/ a presença de 100 meninos em palco com ritmo, muito autónomos e compenetrados do seu papel, o que é exigente por serem tão pequenos. Uma tarde de cor, música e magia!

“Há duas espécies de fadas: as fadas boas e as fadas más. As fadas boas fazem coisas boas e as fadas más fazem coisas más.

As fadas boas regam as flores com orvalho, acendem o lume dos velhos, seguram pelo bibe as crianças que vão cair ao rio, encantam os jardins, dançam no ar, inventam sonhos, e à noite põem moedas de oiro dentro dos sapatos dos pobres. As fadas más fazem secar as fontes, apagam a fogueira dos pastores, rasgam a roupa que está ao sol a secar, desencantam os jardins, arreliam as crianças, atormentam os animais e roubam dinheiro aos pobres.

Quando uma fada boa vê uma árvore morta, com os ramos secos e sem folhas toca-lhe com a sua varinha de condão e no mesmo instante a árvore cobre-se de folhas, de flores, de frutos e de pássaros a cantar.

Quando uma fada má vê uma árvore cheia de folhas, de flores e de pássaros a cantar, toca-lhe com a sua varinha mágica do mau fado e no mesmo instante um vento gelado arranca as folhas, os frutos apodrecem, as flores murcham e os pássaros caem mortos no chão.”